Tudo de Cão na Clínica Greenwood

No início do ano fomos convidados pela Victoria Pryor, neta da Karen Pryor (brincadeirinha!!!!), veterinária e nossa amiga, a participar de um programa de reabilitação na Clínica Greenwood, que atua com dependentes químicos e é hoje considerada uma das melhores do estado de São Paulo.
O objetivo é, através da laborterapia (terapia através do trabalho), desenvolver vínculo, responsabilidades e disciplina por meio dos cães. A clínica conta hoje com sete cães que são cuidados, alimentados, limpos e treinados pelos residentes da clínica. Duas vezes por semana os pacientes têm aulas de Agility com Leonardo Ogata, que também orienta como educar os cães. Eles também aprendem diversos truques, o motiva ainda mais os pacientes.
O trabalho está gerando bons frutos no tratamento, o que nos deixa muito felizes pois é uma atividade muito especial para nós. A clínica conta com 30 pacientes e 12 deles estão no programa com os cães!
Conheça os animais maravilhosos que auxiliam tanto na vida de muitas pessoas:

 

Carlota, a workaholic

 

Carlota

 

Duque, o gentleman

 

Duque

 

Faísca, adotado da rua da clínica

 

Faísca, o cão feliz

 

Faísca

 

Jojo, divertidíssima

 

Jojo

 

Princesa, uma querida

 

Princesa

Foto do bebê lab

By | 2017-01-18T11:43:16+00:00 outubro 20th, 2011|Categories: Blog|Tags: |4 Comments

4 Comentários

  1. João Marcos 07/02/2013 em 02:45 - Responder

    a laborterapia realmente é uma ótima forma de ajudar pacientes compulsivos a se recuperar mas também é bom lembrar que essa técnica serve para ajudar outros tipos de pacientes e outras situações. Maravilhoso trabalho, parabéns! 😉

  2. Patricia Mello 07/02/2013 em 03:05 - Responder

    É impressionante como os animas podem interagir e acompanhar uma pessoa mesmo que eles não possam falar.
    Muitos Hospitais recorrem aos animais para acompanhar tratamento de criança e adultos com deficiências e outros problemas. Parabéns a essa clínica greenwood, a companhia e interação desses animais devem ajudar muito também na dependência química.

  3. Patricia Mello 07/02/2013 em 03:05 - Responder

    É impressionante como os animas podem interagir e acompanhar uma pessoa mesmo que eles não possam falar.
    Muitos Hospitais recorrem aos animais para acompanhar tratamento de criança e adultos com deficiências e outros problemas. Parabéns a essa clínica greenwood, a companhia e interação desses animais devem ajudar muito também na dependência química.

  4. Patricia Mello 07/02/2013 em 03:06 - Responder

    É impressionante como os animas podem interagir e acompanhar uma pessoa mesmo que eles não possam falar.
    Muitos Hospitais recorrem aos animais para acompanhar tratamento de criança e adultos com deficiências e outros problemas. Parabéns a essa clínica greenwood, a companhia e interação desses animais devem ajudar muito também na dependência química.

Deixar Um Comentário